Antes de mergulhar nesta final entre Tapia / Coello e Chingotto / Galan na Argentina, o Canal+ deu-nos algumas estatísticas muito interessantes sobre a última final entre as duas duplas, nomeadamente no passado domingo durante a etapa do Paraguai.

Nesta final que acabou com a vitória de Coello / Tapia, o espanhol foi alvo de Galan / Chingotto.

Na verdade, Coello havia tocado 490 vezes a bola em comparação com 283 de Tapia.

Chingotto acertou 70% de seus arremessos contra Coello e vimos Galan quebrar sua diagonal em 59% dos casos.

Lembramos que Tapia pediu desculpas a Coello após a partida pelo seu comportamento devido à frustração de não poder jogar (definição de ter sido colocado na geladeira). Uma estratégia que acabou por não dar frutos para Chingotto/Galan.

Teremos direito a uma estratégia equivalente na Argentina? Encontro imediatamente no Canal +.

Franck Binisti

Franck Binisti descobre o padel no Club des Pyramides em 2009 na região de Paris. Desde a padel faz parte da vida dele. Você costuma vê-lo viajando pela França para cobrir grandes eventos em padel Francês.