O padel está crescendo nos cantos do mundo no mundo 4. E a África não perde a ligação. Pelo contrário. Muitos clubes surgiram recentemente no norte da África e na África Ocidental.

Fernando Blanca de Padel A World Press entrevistou Zeus Sanchez, treinador e jogador de Málaga (Vals Sport Club Málaga Axarquía) e promotor do padel no mundo.

Existe Padel na África além de Marrocos e Tunísia?

Padel está se desenvolvendo cada vez mais na África. Se até então, o norte da África era a região onde o padel se desenvolvia mais com Marrocos e Tunísia, é a vez do Senegal de embarcar na aventura de padel. Especialmente entre Ngaparou e Saly, ao sul de Dakar, a capital. Um clube de padel fala muito sobre ele: La Palmeraie Sporting Club.

Você dá aulas lá?

O destino me levou ao Senegal. Entusiastas lançaram esta atividade em Saly: Geoffrey Demmerlaere e sua esposa Caroline Perrettique decidiram abrir este magnífico clube esportivo nove meses atrás, « O Palmeraie Sporting Club »Com duas quadras de Padel panorâmicas (com duas outras previstas), petanca, futebol de 5, sala de capoeira fitness, aquabike, ténis de praia, voleibol de praia, piscina, massagens e serviços de beleza, bar, restaurante e zona infantil .

Como você pode descrever este clube?

Este é um clube familiar. Mas este clube esportivo não faz exatamente isso. O clube organiza safaris para combinar esporte com a descoberta da região e seu ambiente selvagem: excursões em quadriciclo, canoagem, boggies entre leões, girafas, etc ...

Eu conheci clientes do clube francês, belga, alemão, libanês e português que estão apaixonados por este clube.

Como você foi parar no Senegal?

Devo isso a Pierre Lamouré, treinador e colega de padel do meu clube em Málaga. Com ele, fomos ao clube senegalês, onde demos aulas. Pode até ser que meu destino esteja mudando muito, já que o Senegal e o clube de Saly podem se tornar minha residência principal. Caso a seguir.

Entrevistado por Fernando Blanca
(WOP - Mundo de Padel - www.worldofpadel.com) para Padel World Press - julho de 2017.

TRADUÇÃO: Padel Point / La Palmeraie Sporting Club

Franck Binisti

Franck Binisti descobre o padel no Pyramid Club em 2009 na região de Paris. Desde então padel faz parte de sua vida. Você costuma vê-lo em turnê pela França, cobrindo os grandes eventos franceses de remo.