As duas semifinais do dia deram seu veredicto. Conhecemos a identidade das duplas que vão disputar o título…

Yanis Muesser e Jérémy Macchi com fórceps

Os dois acólitos tiveram que manter a cabeça fria para vencer.
Rapidamente na frente desde o início da partida, a dupla mostrou-se sólida, aproveitando as poucas imprecisões de Pillon e Auradou (6/4).

No segundo set, Macchi e Muesser tiveram a oportunidade de quebrar em 2/2. Uma oportunidade perdida que, atrás, vai sorrir para Lucas e Yann, que então lideram por 4/2. Yanis e Jérémy terão várias oportunidades de desbloqueio, mas em vão. Auradou e Pillon resistem e voltam ao cenário por toda parte.

A terceira rodada é unilateral, com Muesser e Macchi aumentando a intensidade. Yann e Lucas salvam cinco break points, mas acabam quebrando em 3/2. Os jogadores do Grand Est vencem o jogo por 6/4 – 3/6 – 6/2.

Jérémy Garcia e Pierre Perez Le Tiec viram a maré

Do outro lado da tabela, Garcia e Perez Le Tiec derrotaram Rubio/Dizy. Depois de sofrer o primeiro set, os favoritos se recuperaram bem e reacenderam o suspense. Mais precisos e mais empreendedores do que os seus adversários, terminaram com estrondo. Vitória 4/6 – 6/2 – 6/2.

Quem levantará o troféu em Créteil? Resposta às 14h…

Obrigado a Vincent Gallié pelo relatório.

Foi através de seu pai que Auxence descobriu o padel, uma noite de junho de 2018. Hoje, ele acompanha apaixonadamente o circuito internacional e provoca o pala em seu clube de treinamento, Toulouse Padel Clube. Você também pode encontrá-lo em La Feuille de Match e LesViolets.com, dois meios de comunicação especializados no Toulouse Football Club.